-

Sol o dia todo sem nuvens no céu. Noite de tempo aberto ainda sem nuvens.

04/11/2019 13:02

Produtor precisa atualizar cadastro de todos os animais

Todos os animais que transitam pelo Estado do Paraná com interesse econômico, necessitando, portanto da Guia de Trânsito Animal (GTA), precisam ter o cadastro atualizado até 30 de novembro

Fotos Crédito: José Adair Gomercindo/AEN

Fonte: Núcleo de Comunicação Social/PMI. Com informações da Adapar

Todos os animais que transitam pelo Estado do Paraná com interesse econômico, necessitando, portanto, da Guia de Trânsito Animal (GTA), precisam ter o cadastro atualizado até 30 de novembro. A atualização do rebanho é um procedimento obrigatório, previsto no Decreto Estadual n.º 12.029/2014, e que era feito para o rebanho bovino e bubalino no período da vacinação da febre aftosa.

Com a suspensão da vacina (Instrução Normativa n.º 47), o processo semestral de atualização do rebanho continua para esses pecuaristas e se estende para outros produtores de animais (cabras, ovelhas, suínos, cavalos, jumentos, mulas, galinhas e peixes).


Poderão fazer a atualização de rebanho:

·  Próprio produtor rural, de forma on-line

·  funcionários da Adapar (FDA, AFDA e Administrativos);

·  funcionário do escritório de atendimento municipal autorizado;

 


Se for online, é preciso, primeiramente, cadastrar-se na Central de Segurança do Estado do Paraná. O próprio site da Adapar possibilita essa ação, clicando no banner Campanha de Atualização Cadastral. Deve-se escolher a opção Quero me Cadastrar, informar o CPF e nome, preencher os dados e criar login e senha. Caso a pessoa já esteja cadastrada na Central de Segurança do Estado, deve clicar no banner da campanha e acessar o caminho Já sou cadastrado. Acesse  www.adapar.pr.gov.br. A orientação é que se utilize o navegador Mozila firefox (atualizado).


Depois disso, é preciso preencher os espaços com o login e senha e clicar em Prosseguir. Na página que se abre, deve-se selecionar a propriedade que estiver com pendência de comprovação de rebanho, escolher a espécie e preencher com os dados pedidos. Em seguida, clicar em Comprovar. O último procedimento deve ser repetido para cada uma das espécies com pendência.


Em Ibiporã e região, caso o produtor rural prefira atualizar o cadastro de forma manual, precisará comparecer ao escritório da Adapar, em Sertanópolis, ou na Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente (SAAMA).


Segundo o diretor de Meio Ambiente da SAAMA, Hélio da Silva, “se o produtor não tiver o cadastro atualizado, ele não conseguirá movimentar os animais. Além disso, a legislação prevê penalidades, entre elas o pagamento de multa”, adverte Silva.


O objetivo da campanha de atualização do rebanho é ter informações precisas de tudo o que existe de animal na unidade epidemiológica visando a garantir a rastreabilidade e a sanidade de todo o rebanho paranaense.


Serviço

 Campanha de Atualização do Rebanho

 

Quem: proprietários de bois, búfalos, cabras, ovelhas, suínos, cavalos, galinhas, peixes

Quando: Até 30 de novembro

Como fazer: site da Adapar (www.adapar.pr.gov.br.) ou manualmente, comparecendo ao escritório da Adapar, em Sertanópolis (Rua Senador Souza Naves, 609 – Centro), ou na Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente (SAAMA), localizada na Prefeitura Municipal de Ibiporã – Rua Padre Vitoriano Valente, 540, Centro. Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.